Logotipo da Cáetdra Cátedra de Estudos Sefarditas
Alberto Benveniste

Universidade de Lisboa

Cátedra de Estudos Sefarditas
Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa
Alameda da Universidade
1600-214 Lisboa
Telef. +351 21 792 00 00 (ext. 317)
cesab@letras.ulisboa.pt

Cátedra "Alberto Benveniste" » Agenda e notícias » Recolha de documentos arquivísticos de Roma

Recolha de documentos arquivísticos de Roma


Recolha documental de James Nelson Novoa, integrada no seu projecto de Pós-Doutoramento, apoiada pela FCT.

No «Centro de Documentação», veja a nova secção: "Sefarditas e cristãos-novos portugueses em documentos arquivísticos de Roma".
The State Archive of Rome as a source for the History of the Portuguese New Christians and the Jews (1495-1580)

This section will present digitalized images of documents from the State Archive of Rome (Archivio di Stato di Rome: ASR) along with short summaries of their contents. They come from a variety of archival sources in one of Europe’s most extensive and important archives which are linked to the social, cultural and economic life of the Catholic Church for several centuries and hence of intrinsic interest for scholars of who deal with the Middle Ages through to the nineteenth century. Formed after the incorporation of Rome into the unified state of Italy, this archive boasts a vast collection of holdings which concern virtually all the aspects of the life of the Catholic Church in Rome and beyond. The current section will make documents available to scholars which deal, in some way, with the activities and lives of Portuguese New Christians and Jews in the Early Modern period.


O Archivio di Stato di Roma como uma fonte para a história dos cristãos-novos e judeus portugueses (1495-1580)

Esta secção apresenta imagens digitalizadas de documentos do Archivio di Stato di Roma: ASR juntamente com pequenos sumários do seu conteúdo. A sua proveniência é uma variedade de fundos de um dos mais importantes e extensos arquivos ligados à vida social, cultural e económica da Igreja Católica durante vários séculos e, como tal, de grande interesse para estudiosos de períodos compreendidos entre a Idade Média e o século XIX. Formado depois da incorporação de Roma no estado italiano unificado, este arquivo apresenta uma vasta colecção de documentos que concernentes a todos os aspectos da vida da Igreja Católica em Roma e fora da cidade. Esta secção pretende disponibilizar documentos para investigadores que se interessem pela vida e actividades dos cristãos-novos e judeus portugueses.



The notaries of the Auditor of the Apostolic Chamber

The Archives of the notaries of the Auditor of the Apostolic Chamber (Notari dell’Auditor Camera: Notari dell’A.C) have been a hitherto relatively neglected resource by scholars of Early Modern European History. Held in the State Archives of Roma (Archivio di Stato di Roma: ASR) they nonetheless provide vital and often unique information about life in Rome in the Early Modern period and the rest of the world. Comprising a period which extends from the end of the fifteenth century to the late nineteenth, when, upon the incorporation of the Papal States into the Kingdom of united Italy in 1870 the notaries ceased to exist, they literally represent the activity of several hundred years. These notaries were linked to the activities of the Auditor of the Apostolic Chamber, the official who was a central part of the Apostolic Chamber, the administrative branch of the Roman Catholic Church which dealt with its finances throughout the world. The office of the Auditor of the Chamber was itself part of a complex system which already foresaw modern bureaucratic practices and was the head of a tribunal which heard and decided upon civil cases in the territories of the Pontifical States and beyond. As such the innumerable notarial deeds which these notaries undersigned and were privy to: contracts of various kinds, the acquisition of ecclesiastical benefits, acquittances, wills and testaments, letters of credit, have a bearing on the lives and activities of individuals the world over. All of the documents presented in this section are present in the deeds drawn up by the notaries of the Auditor of the Apostolic Chamber. They all involve, in some way, Portuguese Jews or New Christians and the dealings with people in Rome and elsewhere during the sixteenth century.


Os notários do Auditório da Câmara Apostólica

Os arquivos dos notários do Auditor da Câmara Apostólica (Notari dell’Auditor Camera: Notari dell’A.C) têm sido até aqui um fundo relativamente negligenciado pelos investigadores de História Moderna. Conservados no Archivio di Stato di Roma (ASR) podem, no entanto, fornecer informações vitais e, muitas vezes, únicas sobre a vida em Roma e no resto do mundo no início da Época Moderna. Cobrindo um período que se estende desde o final do século XV até aos finais do séc. XIX quando, após a incorporação dos Estados Pontifícios no reino unificado da Itália em 1870 quando os notários deixaram de existir, eles literalmente representam a actividade de várias centenas de anos. Estes notários estavam ligados às actividades do Auditor da Câmara Apostólica, o oficial que era uma parte central da Câmara Apostólica, o ramo administrativo da Igreja Católica Romana, que lidava com as finanças por todo o mundo. O escritório do Auditor da Câmara era parte de um sistema complexo que já antevinha as práticas burocráticas modernas e era a cabeça de um tribunal que ouvia e decidia sobre causas civis nos territórios pontifícios e não só. Eram inúmeros os contratos notariais que estes notários assinavam e aos quais estavam ligados: contratos de diversos tipos, aquisição de benefícios eclesiásticos, quitações, testamentos, letras de crédito, tendo um papel nas vidas e nas actividades de indivíduos um pouco por todo o mundo. Todos os documentos apresentados nesta secção estão presentes nos contratos redigidos pelos notários do Auditor da Câmara Apostólica. Todos eles envolviam, em certa medida, Judeus ou Cristãos-Novos portugueses e os seus negócios com pessoas em Roma e noutros sítios durante o século XVI.

BIBLIOGRAPHY / BIBLIOGRAFIA
Castro, Jorge de. Portugal em Roma. 2 vols, Lisboa: União Gráfica, 1939.

Delumeau, Jean, Vie économique et sociale de Roma dans la seconde moitié du XVIème siècle. 2 vols, Paris; E De Boccard editeur, 1957.

Delumeau, Jean, Vita economica e sociale di Roma nel Cinquecento. Firenze: 1979.

Palermo, Luciano. “L’economia.” In Roma Capitale (1447-1527). Roma: Ministero per i Beni Culturali e Ambientali. Ufficio Centrale per i Beni Archivistici, 1994: 49-91.

Palermo, Luciano. “ Espansione demografica e sviluppo economico a Roma nel Rinascimento.” In Studi Romani, 1-2, gennaio-giugno 1996: 21-47.


Partner, Peter. “Papal Financial Policy in the Renaissance and Counter-Reformation.” In Past and Present, 88 (1980): 17-62.

Partner, Peter. The Pope’s Men: The Papal Civil Service in the Renaissance. Oxford: Clarendon, 1990.

Partner, Peter, Renaissance Rome 1500-1559. A Portrait of a Society, Berkeley/Los Angeles:University of California Press, 1979.

Pastura Ruggiero, Maria Grazia et Cherubini, Paolo, Londei, Luigi, Morena, Marina, Sinisi, Daniela. La reverenda camera apostolica e i suoi archivi (secoli XV-XVIII). Roma: Scuola di Archivistica Paleografia e Diplomatica, 1984.

Pinto Cardoso, Arnaldo. A presença portuguesa em Roma. Lisboa: Quetzal, 2001.

Sabatini, Gaetano. “La comunità portoghese a Roma nell’età dell’unione delle corone (1550-1640).” In Roma y España. Un crisol de la cultura europea en la Edad Moderna, coordenador Carlos José Hernando Sánchez, Madrid Sociedad estatal para la acción cultural exterior, 2007: 847-874.


The Tribunal of the Governor of Rome

The archives of the tribunal of the Governor of Rome are a major source for the history of justice and social life in Rome in the Early Modern period. From the fifteenth century onwards this tribunal, which oversaw justice in the city of Rome and its environs was directed by an official, the Gubernator in alma Urbe eiusque territorio et districtu, Camerarius, the Governor of the City of Rome, and, at the same time, the Vice-Camerarius vel Camerarii locumtenens, the Vice-Chamberlain or deputy of the Apostolic Chamber. As the Governor he was the chief magistrate with jurisdiction over lay people and clerics alike and charged with maintaining public order, the supervision of the jails in Roman territory, and monitoring the activities of the city’s judges. He had the final say in criminal and civil cases and was even able to impose excommunication. In this section some proceedings of trials will appear which involve Portuguese New Christians and the Jews of Rome.

O Tribunal do Governador de Roma
Os arquivos do tribunal do Governador de Roma são uma enorme fonte para a história da justiça e da vida social em Roma durante a Época Moderna. A partir do séc. XV este tribunal, que garantia a justiça na cidade de Roma e ao seu redor, era dirigido por um oficial, o Gubernator in alma Urbe eiusque territorio et districtu, Camerarius, o Governador da Cidade de Roma, e, ao mesmo tempo, o Vice-Camerarius vel Camerarii locumtenens, o Vice-Camerlengo ou delegado da Câmara Apostólica. Tal como o Governador ele era o magistrado superior com jurisdição sobre leigos e clérigos e com a função de manter a ordem pública, a supervisão das cadeias em território romano, e vigiar as actividades dos juízes da cidade. Tinha a palavra final em casos criminais e civis e ainda tinha o poder de impôr excomunhão. Nesta secção vão aparecer alguns procedimentos de processos que involvem cristãos-novos e judeus portugueses.

BIBLIOGRAPHY / BIBLIOGRAFIA
Cohen, Thomas V. Love and Death in Renaissance Italy. Chicago: University of Chicago Press, 2004.

Del Re, Niccolò. Monsignor Governatore di Roma, Roma: Istituto di Studi Romani, 1972.

Felici, Guglielmo, La Reverenda Camera Apostolica. Studio storico giuridico, Città del Vaticano: Tipografia Poliglotta Vaticana, 1940.

Fosi, Irene. “Il governo della giustizia.” In Roma Moderna. Bari: Laterza, 2002: 115-142.

Nelson Novoa, James William. “The Trial of Diogo Fernandes Neto by the Tribunale del governatore di Roma”, in Hispania Judaica, 7, (2010) 277-316.

Pattenden, Miles. “Governor and government in sixteenth century Rome.” In Papers of the British School at Rome, 77, 2009.




 

 
© 2006-2017 Cátedra de Estudos Sefarditas "Alberto Benveniste"       Última actualização: 2.mar.2017       Desenvolvimento: VitralDigital         HTML 4.01   CSS   WAI AA